Para as empresas que passam pelo processo de transformação digital, ter acesso às informações necessárias, de forma ágil e no momento certo, pode fazer toda a diferença na hora de negociar e fechar o negócio.

Acreditando nesta premissa, empresas de grande porte do Brasil, que trabalham no segmento financeiro ou que contam com amplas tesourarias, estão adquirindo novas soluções de trading floor da IPC-Wittel. Parceiras há 24 anos, as empresas detêm 80% do marketing share de trading floor no país, com presença em pelo menos oito dos dez maiores bancos comerciais.

Ao longo dessas duas décadas, a estrutura de tranding floor evoluiu das mesas analógicas da década de 80 para as digitais dos anos 90, passando pelas mesas IP dos anos 2000 e, por fim, chegando à última geração - plataforma Unigy SaaS-, que combina todos os requisitos de segurança e compliance exigidos pelo mercado.

Diferente das versões anteriores, a nova solução é baseada em software, o que traz uma série de benefícios para as corporações, como o ganho de espaço, uma vez que a antiga estrutura composta por gabinetes, shelves e placas deram lugar a alguns servidores. Com isso, também há uma redução de energia elétrica, além de diminuição de outros custos de manutenção.

Segundo Marcelo Penteado, diretor de Produtos e Alianças na Wittel, a solução IPC-Wittel garante alta disponibilidade e capacidade de redundância. “É uma plataforma extremamente estável e robusta. Os especialistas da Wittel identificam as necessidades do cliente e desejam o projeto - em conjunto - para que a solução seja mais assertiva”, comenta Penteado.

Com a plataforma Unigy SaaS, os traders também ganharam aplicações no computador, que fazem integração com os turrets. “A aplicação permite que os usuários realizem o controle do turret sem tirar os olhos da tela do computador. Os profissionais sempre acompanham e analisam muitos gráficos em suas telas e a possibilidade de fazer as ligações por ali gera uma grande economia de tempo. De uma forma intuitiva, a nova solução possibilita atender chamadas com apenas um clique”, comenta o executivo.

Outro benefício promovido pela nova solução é a facilidade em relação à mobilidade. Caso haja a necessidade de mudar de andar, ou de cidade, por exemplo, a migração se torna mais simples, pois não é mais necessária a transferência de infraestrutura que a solução anterior demandava. “Se a empresa tem um escritório em São Paulo e deseja abrir um no Rio de Janeiro, é possível integrar e compartilhar todos os serviços, o que garante mais agilidade e economia”, complementa Marcelo Penteado.

Para as empresas que utilizam soluções IPC e desejam realizar a atualização tecnológica da plataforma, a Wittel oferece uma série de benefícios – da monitoração proativa do funcionamento das soluções até a oferta de “trade-in” na migração para a plataforma Unigy. “Tudo isso só é possível graças a uma parceria duradoura, que atua de maneira colaborativa para oferecer a melhor solução ao cliente”, finaliza Sergio Camilo, vice-presidente comercial da Wittel.

Outras notícias

Wittel dará suporte aos clientes da IPC

Wittel dará suporte aos clientes da Etrali

Wittel e Genesys marcam presença no evento Customer After Sales Services