A Cisco, a Secretaria de Ciência e Tecnologia da Cidade do Rio de Janeiro e o Comitê Organizador dos Jogos Olímpicos e Paralímpicos Rio 2016 anunciaram parceria em programa de capacitação e treinamento de profissionais na área da tecnologia. A iniciativa promoverá inclusão digital e a inserção no mercado de trabalho de jovens que vivem nas comunidades próximas às Naves do Conhecimento na cidade do Rio de Janeiro.

O engajamento da população e a necessidade de um número muito grande de profissionais qualificados nas mais diversas áreas de atuação é um dos maiores desafios de qualquer cidade que se propõe a organizar e sediar os Jogos Olímpicos e Paralímpicos.

Apoiadora oficial dos Jogos Olímpicos e Paralímpicos Rio 2016, a Cisco torna-se o primeiro parceiro do Programa Abraça Capacitação, desenvolvido pelo Rio 2016 para incentivar o empreendedorismo social, a capacitação profissional e a geração de trabalho e renda na cidade do Rio de Janeiro. Ao abraçar as pessoas, o Rio 2016 também se propõe a engajá-las e conscientizá-las para temas importantes, como a diversidade, a inclusão e a acessibilidade.

“Temos uma importante missão de fazer com que os valores Olímpicos e as atitudes positivas transcendam os Jogos e sejam inspiração para o comportamento cotidiano das pessoas, das empresas e da sociedade. Por isso, é importante contar com um parceiro como a Cisco nesta jornada e no desenvolvimento de um legado social e transformador para o Rio”, diz Tânia Braga, gerente geral de Sustentabilidade do Rio 2016”. Tânia ainda comenta que “o programa de capacitação contribui com a geração de mão de obra qualificada necessária durante a preparação e realização dos Jogos no Rio”.

A Cisco está realizando uma série de iniciativas para explorar, ao máximo, o potencial da tecnologia na gestão do conhecimento e na inclusão e engajamento dos cariocas com os Jogos. O objetivo principal é aproveitar a oportunidade única de sediar o maior evento esportivo do mundo e criar um legado duradouro, contribuindo para a inserção de mais jovens no mercado de trabalho de tecnologia. Com essa proposta, a empresa investe em iniciativas como a expansão do programa global Cisco Networking Academy, que conta com mais de um milhão de estudantes ativos em mais de 10 mil centros de treinamento no mundo. Motivada pelos Jogos Rio 2016, a Cisco está expandindo o programa nas Naves do Conhecimento no Rio de Janeiro e também em outras regiões do Brasil, onde atualmente já conta com mais de 300 centros de treinamentos. O plano é dobrar o número de estudantes, de 25 mil para 50 mil até 2017.

“Queremos compartilhar nosso conhecimento e capacidades em tecnologia, ajudando na construção de uma sociedade mais conectada e inclusiva, onde todos possam ter acesso ao conhecimento. Nosso objetivo é aproveitar nossa participação como apoiador dos Jogos Rio 2016 para ir além e também contribuir com a transformação que a cidade e as pessoas vivem atualmente, oferecendo um novo olhar sobre as oportunidades de acesso ao conhecimento e de crescimento profissional”, afirma Rodrigo Uchoa, diretor de Novos Negócios e Coordenador do Projeto Rio 2016 na Cisco. “Com essa parceria com a SECT e Rio 2016 demonstramos a relevância de nossa participação como apoiador dos Jogos”, destaca.

O alinhamento da visão e objetivos do programa de capacitação da Cisco com os objetivos do Programa Abraça foi o principal motivador para o desenvolvimento da parceria e da chancela oficial do Programa de Sustentabilidade do Rio 2016. Com esta parceria será possível capacitar profissionais que possam apoiar na entrega dos Jogos, que demandará em torno de 5 mil profissionais somente na área de tecnologia da informação e comunicação.

“A parceria com a Cisco e o Rio 2016 permitirá que a cidade do Rio de Janeiro construa um legado social com a capacitação e qualificação de jovens para o mercado de tecnologia, além de fomentar a geração de renda e o empreendedorismo”, destaca Franklin Dias Coelho, secretário de Ciência e Tecnologia da Cidade do Rio de Janeiro.

Engajamento em torno do conhecimento
Entre suas ações para apoiar a integração e engajamento das comunidades, a parceria da Cisco com o projeto Naves do Conhecimento da SECT também contempla a criação de espaços multiusos, equipados com as mais modernas tecnologias de colaboração, em cinco Naves do Conhecimento, localizadas em Triagem, Madureira, Padre Miguel, Complexo do Alemão e Engenho de Dentro. Estas Naves receberão infraestrutura de conectividades e soluções de colaboração da Cisco capazes de revolucionar a forma como as pessoas recebem e compartilham conhecimento. A ideia é possibilitar a inclusão e o engajamento destas comunidades com os Jogos e com o movimento Olímpico, antes e depois do evento, por meio da interação online da comunidade local com atletas e com o Rio 2016. Os equipamentos da Cisco também poderão ser utilizados para realização de eventos, tais como palestras e sessões de colaboração a distância com especialistas da área de saúde e meio ambiente.

Além dos equipamentos, a Cisco oferecerá cursos, totalmente gratuitos, online e presenciais, na área de tecnologia de redes, empreendedorismo e inclusão digital. A metodologia, ferramentas e conteúdos utilizados serão os mesmos do programa global Cisco Networking Academy, complementados por conteúdos desenvolvidos para capacitação de profissionais que atuarão no suporte às redes da Cisco, implementadas para a realização dos Jogos Olímpicos no Rio. A expectativa é que pelo menos 400 profissionais sejam treinados e possam trabalhar junto com os parceiros de tecnologia do Rio 2016 durante o evento em 2016.

Dentro da parceria desenvolvida, a Cisco implantou ainda o maior laboratório do programa Cisco Networking Academy do Brasil na Nave do Conhecimento de Triagem, onde também serão formados os novos instrutores do programa no Rio. O local já recebeu mais de três toneladas de equipamentos, incluindo soluções de conectividade, telepresença, computadores e câmeras. As Naves do Conhecimento também utilizarão as soluções de colaboração Cisco Webex e Jabber para facilitar o ensino à distância e disponibilização de treinamentos virtuais online.

Leia mais

Cisco anuncia parceria para fomentar empreendedorismo no Brasil

Estudo da Cisco mede adoção do cloud pelas empresas

Cisco lança desafio para promover inovação urbana no Rio de Janeiro