A Resource, uma das principais e mais bem-sucedidas multinacionais brasileiras de serviços de TI e Integração Digital, está com mais de 300 vagas abertas para profissionais de Tecnologia da Informação (TI) para os escritórios da Grande São Paulo. As oportunidades são para os cargos de Analista Programador com experiência nas tecnologias: Java, .Net, Android, iOS, SAS e Salesforce. Os novos colaboradores irão trabalhar para grandes clientes dos setores financeiro, de seguros e varejo.

Os interessados em fazer parte do time da empresa devem ter formação em Ciências ou Engenharia da Computação e indicar suas experiências profissionais na área de TI. Em constante expansão de seus negócios, esse foi o maior número de oportunidades já registrado pela companhia em um único mês. Desde o início de março, a empresa já disponibilizou 630 vagas e segue em contínua ampliação.

Além da possibilidade de crescimento dentro de uma das maiores empresas de TI do Brasil, a Resource oferece todos os benefícios compatíveis com o mercado. Os candidatos interessados devem cadastrar seus currículos no site: http://www.resourceit.com/pt/vagas-ti/ ou enviar seus dados para o e-mail Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.. As inscrições já estão abertas e as contratações serão feitas conforme os novos projetos que estão em andamento na empresa.

Com mais de 25 anos de atuação no mercado, a Resource possui uma equipe de 2.500 profissionais altamente capacitados e aptos para atuar em projetos no Brasil e em cinco países no exterior, em especial na América Latina e Estados Unidos, por meio de uma moderna estrutura com 21 Unidades e Centro de Inovação no Vale do Silício (EUA).

A excelência de seus serviços faz com que a Resource seja amplamente reconhecida pelo mercado e por mais de 300 clientes ativos de diversos segmentos da indústria, com ofertas completas de Digital, Serviços Gerenciados, Consultoria de TI e Soluções Empresariais.

Outras notícias

Resource automatiza recuperação de crédito corporate da Recovery

Novo limite no crédito rotativo. E agora?

Setor de recuperação de crédito volta a contratar em 2016